Funerária envia corpo para município errado

O corpo de Mauro Valdevino da Silva, de 46 anos, foi transportado do estado de Minas Gerais para o Ceará, em uma espécie de furgão, no entanto, o caixão foi entregue na cidade em Tauá, quando deveria ter sido deixado em Arneiroz. O caso foi registrado na madrugada desse domingo, 26.

De acordo com nota da Polícia Civil, o corpo foi deixado em frente a uma casa na zona rural de Tauá. O proprietário da residência, quando se deparou com a situação, chamou a Polícia.

Os funcionários retornaram para pegar o cadáver, mas foram impedidos pelos moradores até a chegada da Polícia. A autoridade policial ouviu os envolvidos e os responsáveis serão indiciados por vilipêndio de cadáver, segundo o artigo 212 do Código Penal.

FONTE: O POVO ONLINE