Governo do Estado irá transferir presos e separar os mais perigosos

Governo do Estado deve começar a transferir detentos de unidades prisionais do Ceará ainda nesta segunda-feira, 29. A medida é uma das reações determinadas pelo governador Camilo Santana (PT) após a matança que deixou dez mortos nesta segunda-feira, 29, na Cadeia Pública de Itapajé, a 124,2 km de Fortaleza.

Segundo Élcio Batista, secretário do gabinete do governador, alguns presos mais perigosos também serão monitorados. “Hoje (segunda-feira), provavelmente já teremos transferências. E começa o sistema de colocar alguns presos mais perigosos em locais, dentro do sistema penitenciário, para que eles fiquem sob maior segurança”, explicou.

Segundo massacre

Em menos de 72 horas, dois massacresforam registradas no Ceará. No sábado, 27, um grupo armado invadiu o Forró do Gago, nas Cajazeiras, e matou 14 pessoas, na maior chacina da história do Ceará. A ação teria sido uma afronta planejada por facção rival a que domina o tráfico de drogas no bairro.

Redação O POVO Online