Líder espiritual acusado de abuso sexual pode ter feito mais vítimas

Delegado Rômulo Sousa pede que vítimas de líder espiritual procurem a Polícia

Há indícios de que existam mais vítimas do líder espiritual preso por suspeita de abuso sexual para além daquelas que já procuraram a Polícia denunciando os crimes. A informação é do delegado Rômulo Sousa, da Delegacia Regional de Tianguá. Pelo menos quatro vítimas já representaram contra Francisco Aucivam Pereira Linhares, de 29 anos, de acordo com a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS).

Confira a declaração do delegado Rômulo Sousa sobre o caso:

https://youtu.be/Xr3TjRaAdGk

“Nós pedimos que essas possíveis vítimas se dirijam até a delegacia de Ibiapina ou mesmo de Tianguá para formalizar suas declarações e assim podermos apurar o fato com a maior isenção e a maior agilidade possível”, afirmou o delegado, em vídeo disponibilizado pela SSPDS.

O delegado deu detalhes sobre as denúncias das vítimas e sobre a prisão deFrancisco Aucivam. Conforme ele, o pai de santo dopava as mulheres que o procuravam para orientação espiritual e, em seguida, cometia os abusos. Outra maneira com que o pai de santo praticava os abusos, conta o delegado, era dizendo que “entidades espirituais” que teriam tomado seu corpo ordenavam os atos libidinosos.

Aucivam foi preso na sexta-feira, 26, por força de mandado de prisão. Ele foi cercado pelos policiais na casa onde oferecia os serviços espirituais, que também era a casa dele. Conforme Rômulo, o suspeito tentou se evadir, mas, ao ver que estava cercado, desistiu. Os policiais apreenderam uma garrafa do que parecia ser uísque. Ela será encaminhada à Perícia Forense, que verificará se eraa substância era usada para dopar as vítimas.

Fonte: O POVO Online