Myanmar realiza evento e pede paz aos rebeldes

Myanmar realizou um evento para pedir um fim pacífico dos conflitos entre as forças do governo e grupos militantes étnicos no país.

Desde a independência de Myanmar, há cerca de 70 anos, grupos étnicos combatem forças do governo e exigem mais autonomia.

Esforços para convencer esses grupos a assinarem um acordo de cessar-fogo com o governo tiveram início em 2015. Até agora, mais da metade dos 18 grupos étnicos assinou o acordo.

A líder de fato de Mianmar, Aung San Suu Kyi , participou do evento na segunda-feira (28) em Naypyidaw, a capital do país.

Ela pediu aos líderes dos oito grupos que ainda não assinaram o acordo que realizem conversações com o governo.

Todos os grupos foram convidados para o evento de segunda-feira, mas apenas um dos grupos que assinaram o acordo não participou.

FONTE: O POVO ONLINE