Novo superintendente do complexo hospitalar da UFC toma posse

CÂNDIDO ALBUQUERQUE prometeu empenho para aproximar a faculdade de medicina dos hospitais

O professor Carlos Augusto Alencar Júnior tomou posse na tarde de sexta-feira, 4, do cargo de superintendente do complexo hospitalar da Universidade Federal do Ceará e Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), composto pelo Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC) e a Maternidade-Escola Assis Chateaubriand (MEAC). A cerimônia contou com a presença do general Oswaldo de Jesus Ferreira, presidente da Ebserh, e Cândido Albuquerque, reitor da UFC. O docente do curso de Medicina ocupava a gerência da Atenção à Saúde da MEAC.

“A prioridade da gestão será a integração efetiva entre hospitais universitários e as faculdades de Medicina, Farmácia, Odontologia, Enfermagem e Fisioterapia, para os quais os hospitais universitários são as maiores sala de aula para os futuros profissionais”, destacou o superintendente. “Durante um período, houve um certo distanciamento entre as instituições, mas vamos restabelecer essa comunicação para focar no ensino e na integração dos dois hospitais, assim como as secretarias de saúde municipais e estaduais”, complementou.

Oswaldo de Jesus Ferreira, presidente da Ebserh, diz que a nova gestão está bem articulada. “Tenho contato com várias universidades do País e posso dizer que o trabalho do Ceará está sendo feito de maneira azeitada. Um dos principais desafios da Ebserh é almelhor maneira possível os recursos necessários para o funcionamento dos 40 hospitais hospitais universitários federais, dando foco ao ensino e a pesquisa, já que somos uma instituição vinculada ao Ministério da Educação (MEC)”, afirmou.

“A relação da faculdade de medicina com os hospitais precisa ser perfeita. O diálogo nem sempre foi o melhor, mas agora voltará, todos estão empenhados nisso”, ressaltou Cândido Albuquerque, reitor da UFC. “A equipe que está na Ebserh, que administra os nossos hospitais, está qualificada para vencer esses desafios. A reitoria está na busca de recursos, fazendo as mudanças necessárias, nos leva a convicção de que nós iremos qualificar, de maneira excelente o trabalho que hoje é prestado nos nossos hospitais”, assegurou.

“Tive o cuidado de escolher da melhor maneira a nossa equipe e procurar pessoas que procurassem manter a relação institucional. Hoje se consegue ver claramente que o diálogo anterior não estava como deveria ser, e é isso que estamos mudando”, apontou.

O Complexo Hospitalar da UFC faz parte da Rede Ebserh desde novembro de 2013.

FONTE: O POVO ONLINE