Projeto que regulamenta transporte rodoviário de cargas pode ser votado hoje

O Plenário da Câmara dos Deputados pode votar, a partir de terça-feira, 5, o projeto de lei que regulamenta o transporte rodoviário de cargas no Brasil. Na proposta, são estabelecidas as formas de contratação dos transportadores (autônomos, de cooperativa ou empresa), regras para a segurança nas estradas e normas para a contratação de seguros em caso de acidentes, perda de mercadoria e furtos e assaltos.

O texto é de autoria da deputada Christiane de Souza Yared (PR-PR) e conta com um substitutivo (alterações na proposta) do deputado Nelson Marquezelli (PTB-SP), aprovado pela comissão especial sobre o tema, conforme nota do portal da Câmara dos Deputados.
O substitutivo cria o vale-pedágio, mecanismo de pagamento automatizado que será obrigatório. Será exigida, também, a revisão de segurança veicular de todos os transportes de carga, com maior frequência quanto mais velho o veículo.
Greve dos caminhoneiros
No final do mês de maio, caminhoneiros brasileiros ganharam destaque internacional ao deflagrar um movimento integrado de bloqueio das estradas. Os trabalhadores reivindicavam, principalmente, a redução no preço do diesel. Pediam, também, demandas próprias da categoria, como a isenção da cobrança de pedágio para os caminhões que circulam com eixo suspenso em todo o País.
O movimento foi organizado por meio do aplicativo Whatsapp e durou 11 dias, tendo fim na última quinta-feira, 31. As paralisações interferiram na logística de distribuição de produtos, causando impactos em várias áreas.
Redação O POVO Online