Proprietário de viveiro de camarão é preso por furto de energia

Um proprietário de viveiro de camarão foi preso na tarde da última quarta-feira, 11, em Aracati, durante uma operação da Enel Distribuidora Ceará em parceria com a Polícia Civil do Estado. Equipes perceberam irregularidades na medição do local e a realizaram a prisão do proprietário, que foi conduzido à delegacia do município.

De acordo com a Enel Ceará, neste ano a companhia já registrou 72 prisões no estado do Ceará. As forças-tarefas realizadas com as Polícias militar e civil resultaram em 65 prisões. Em Fortaleza, os bairros com a maior quantidade de ocorrências foram a Barra do Ceará, Álvaro Weyne, Carlito Pamplona, Monte Castelo e Parque Iracema.

A pena prevista para o furto de energia prevê de um a oito anos de reclusão. O crime afeta a qualidade do serviço prestado pela distribuidora e coloca em risco os moradores e pessoas que manipulam a rede elétrica.

As ligações irregulares causam curto-circuitos e sobrecarregam a rede elétrica. A companhia conscientiza a população sobre os perigos do furto de energia e programas de geração de emprego e renda. Em casos de denúncia de furto de energia, o cliente pode ligar para a central de relacionamento 0800 285 0196 (ligação gratuita, 24 horas), de qualquer município cearense.

FONTE: O POVO ONLINE