Sistema de alerta para fortes chuvas não funcionou no Crato

A chuva forte provocou transtornos na cidade do Crato na noite desta segunda-feira, 18. (Foto: Divulgação/Prefeitura do Crato)

A chuva de forte intensidade na noite dessa segunda-feira, 18, no Crato, não foi alertada pelo sistema do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden). O sistema funciona bem na cidade e já auxiliou a Defesa Civil para um trabalho de prevenção em várias ocasiões, de acordo com Josemere de Melo, coordenadora da Defesa Civil do Crato. Um jovem morreu após ter sido arrastado pela água.

O POVO Online tentou contato com o Cemaden, mas até o fechamento desta matéria as ligações não foram atendidas ou retornadas.

A forte chuva, com ventos, trovões e relâmpagos, provocou transtornos na cidade do Crato na noite desta segunda-feira, 18. Houve um registro de 120 milímetros de precipitação entre às 7 horas dessa segunda e o mesmo horário desta terça, segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme).

Segundo a Defesa Civil, um jovem morreu após ter sido arrastado pela água. Não há ocorrência de feridos ou desalojados. O órgão retirou quatro famílias de áreas de risco e providenciou o pagamento de aluguel social para as vítimas. Josemere ainda ressaltou o auxílio prestado às famílias, por meio de equipes de plantão para atendimento e a oferta de suprimentos essenciais, como cestas básicas, colchões e roupas.

Caso sinta sua casa ameaçada, moradores podem acionar os órgãos públicos por meio do número 153.

Fonte: O POVO Online